C CASA QUIETA: Junho 2006

domingo, junho 25, 2006

ACONCHEGO


Estou de volta pro meu aconchegoTrazendo na mala bastante saudadeQuerendo Um sorriso sincero, um abraço,Para aliviar meu cansaçoE toda essa minha vontade Que bom, Poder tá contigo de novo,Roçando o teu corpo e beijando você,Prá mim tu és a estrela mais lindaSeus olhos me prendem, fascinam,A paz que eu gosto de ter.É duro, ficar sem vocêVez em quando Parece que falta um pedaço de mimMe alegro na hora de regressarParece que eu vou mergulharNa felicidade sem fim
"Aconchego" - Elba Ramalho

domingo, junho 04, 2006

SOZINHO


Sozinho no meu submundo de um vazio estranho,continuo a esperar pelo dia em que consiga reabrir o meu interior,a escuridão torna-se cada vez mais ,uma companheira e este canto nesta casa afasta-me do mundo lá fora continuo sem conseguir abrir, esta porta que me transportará para a realidade,resinto o medo do estranho e das coisas mais simples.O medo invade as veias que me conduzem todos os dias num fluxo tenebroso.O medo atormenta até o ar que me invade o interior.Continuo sem saber que porta abrir o meu submundo continua vazio e estranhamente estranho.

quinta-feira, junho 01, 2006

O MEU DIA



Na eternidade deste dia especial para mim,tentei entender até onde poderias ir no teu mais profundo dos sentimentos ,pelas emoções que partilhamos pelos beijos que trocamos,pelo calor que nos unio em noites longas, será possivel que ainda estás ai?.Faz sentido estar aqui? estar neste lugar ?Aqui e agora tolero qualquer desculpa,que possas dar.Começo a perder o cheiro que trazes contigo.Começo a sentir um preenchimento que faltava no meu vazio,começas a afastar-te do meu caminho a barreira preta que insistia em separar as nossas vidas está a ser maior.Começo a conseguir caminhar sem pensar em ti,finalmente respiro devagar sem fadigas de maior e sem tropessar no meu espírito.Finalmente começo a perceber que o dia de hoje é especial é o meu aniversário e está a ser bom sem ti,agora entendo a pouca falta que me fazes,no entanto continuas a ser uma pessoa maravilhosa.Amanhã será outro dia sei que não estás,é um facto,mas sinto-me bem assim ,acredita.Bjs